sábado, 31 de maio de 2008

Antidepressivos ajudam no combate ao câncer e à aids

Testes norte-americanos indicam que o medicamento ajuda a fortalecer o sistema imunológico para lutar contra as duas doenças.

Antidepressivos podem ajudar o sistema imunológico a lutar contra o câncer e HIV/Aids. Isso é o que diz o estudo mais recente conduzido por pesquisadores americanos da Universidade da Pensilvânia, na Filadélfia. Eles afirmam que as células brancas - que uma vez instaladas nas infectadas, provocam sua autodestruição - podem ser mais eficazes sob o efeito de antidepressivos.

Estudos anteriores concluíram que o estresse e a depressão, originados pelo desenvolvimento econômico, avanço tecnológico, crescimento industrial aceleram os malefícios do câncer e do vírus HIV.

De acordo com Gustavo Vilela, médico especialista em onco-hematologia e transplante de medula óssea, a própria variação emocional por si só é capaz de explicar a alteração imune. “É sabido que situações de depressão, insônia, dores prolongadas ou qualquer outras formas de estresse emocional são capazes de diminuir a função de algumas células de defesa. Isto já foi documentado tanto em animais de laboratório quanto em seres humanos.”

Para testar a hipótese de que os antidepressivos ajudam no combate dessas doenças, os especialistas recrutaram um grupo de mulheres infectadas com o vírus HIV, no qual algumas apresentavam quadro depressivo.

As voluntárias foram tratadas com três medicamentos contra depressão e estresse. Dois deles, o citalopram e a antagonista de substância PCP - 96345, aumentaram a atividade das células do sistema imunológico. Já o terceiro antidepressivo, o esteróide RU 486, não produziu efeitos.

A pesquisa forneceu evidências de que as funções das células de defesa podem ser ampliadas sob o efeito de inibidores específicos da recaptação da serotonina em pacientes depressivos e não-depressivos, argumentou o coordenador da pesquisa, Dwight Evans, no estudo publicado na revista especializada Biological Psychiatry.

O psiquiatra Geraldo Possendoro, professor do curso de especialização em Medicina comportamental da Unifesp, tem a mesma opinião do especialista Evans. Ele acredita que dessa forma o paciente tem maiores chances de sair do quadro depressivo e tem o sistema imunológico mais fortalecido. “Talvez no futuro as pesquisas mostrem que esses pacientes devam ser previamente tratados com inibidores seletivos de recaptação de seratonina, como o citalopram citado no estudo”, diz.

Já para Vilela, o estudo em questão é bastante original, uma vez que demonstra que o tratamento com antidepressivo melhora a função de um tipo específico de célula de defesa (a célula NK). Mas o onco-hematologista acredita que outros estudos ainda serão necessários para que os respostas desse mecanismo sejam compreendidos. “Trata-se de um resultado interessante, porém preliminar. A importância deste estudo é muito mais biológica do que prática”, finaliza.


“O uso de substâncias como o citalopram
deixam o sistema imunológico mais competente
para combater essas doenças”

As doenças e seus números

Conforme o relatório anual do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/aids, existem no mundo mais de 40 milhões de pessoas vivendo com HIV/aids. O número de pessoas que vivem com o HIV diminuiu globalmente em comparação com os dos anos anteriores. A diferença nos números se deve ao aperfeiçoamento da metodologia e às ações efetivas de enfrentamento da epidemia que vêm sendo desenvolvidas em diversos países.

Mas não somente a aids preocupa: o câncer tornou-se mais expressivo e a cada ano acomete um número maior de pessoas. No Brasil quase 500 mil casos foram diagnosticados no último ano e o câncer de mama foi o segundo mais incidente na população feminina, segundo dados do Inca.

É também responsável pela segunda causa de mortes no país, o que, em números, corresponde a 13% do total de óbitos, perdendo apenas para doenças originárias do sistema circulatório, como diabetes, infarto, hipertensão, entre outras.

Fonte

0 comentários:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger