domingo, 2 de dezembro de 2007

Previsões para 2008

O ano nem acabou e já estamos ansiosas para saber como será o próximo. O que 2008 nos reserva? Mudanças importantes de vida? Relações mais plenas? Progressos financeiros? A astrologia, o tarô e a numerologia revelam tudo sobre o novo ano, que promete:

O movimento dos astros em 2008

“A partir de agora a riqueza aumentará na mesma medida de sua divisão. Dividir para multiplicar”

Por Oscar Quiroga, astrólogo

Um novo e inusitado ciclo de riquezas será inaugurado aqui na Terra a partir da conjunção dos planetas Júpiter e Plutão com o centro da Galáxia, que acontece no dia 11 de dezembro de 2007, e que se estenderá durante os anos 2008 e 2009, até que Plutão tenha ingressado definitivamente em Capricórnio, pondo fim ao sistema político que impede o verdadeiro progresso de nossa humanidade. Os últimos dez dias de 2007 demonstrarão esta tendência.

Este ciclo de riquezas é novo porque acontece numa direção diferente da habitual – que é concentrar recursos enquanto se dissemina a miséria, uma tendência reproduzida por todas as correntes políticas. A partir de agora a riqueza aumentará na mesma medida de sua divisão. Dividir para multiplicar, eis uma alquimia inusitada, mas que já foi praticada com sucesso. Lembra da multiplicação dos pães? Pois é, quanto mais se dividia o pão e o peixe, mais peixe e pão aparecia...

Há vida mais abundante para ser vivida, e a miséria foi, desde sempre, um atentado contra o plano universal, que distribui riquezas graciosa e gratuitamente. Esse atentado foi perpetrado pelo terrível invento conceitual que diminuiu nossa humanidade ao seu menor expoente, o da individualidade, para, logo depois, todos serem postos uns contra os outros e, assim, com nossa humanidade desunida, a riqueza incomensurável do universo foi tirada dos muitos e colocada sob o controle dos poucos.

Esta foi, desde sempre, a invenção do Mal, e mesmo que a gente não acredite mais nessa história de Bem e Mal, um dos trunfos do Mal foi ter nos convencido de tudo não passa de uma lenda, um conto para assustar criancinhas. Entretanto, o Mal existe, e a despeito das tentativas de relativizá-lo, dizendo, por exemplo, que o que é mau para alguns é bom para outros, este guardará em todas as suas manifestações relativas a mesma e absoluta característica: o Mal usurpa.

O Mal usurpa, toma para si o que seria para ser distribuído e, distribuição, caro ser humano da Terra, é coisa do Bem. O Mal usurpa, o Bem distribui, nada de relativo nisso.

A notícia é que o Universo conspira, deixando claro que a perspectiva de 2008 abre um enorme problema para os governos mundiais, muito pouco adaptados ao espírito universalista que veio para ficar. Os governos do mundo não estão mais à altura dos requerimentos desta humanidade que pensam governar.

O ano de 2008 é o da democracia, que até então foi mero experimento, agora começa a se tornar uma realidade, com as pessoas despertando para o fato de que precisam mesmo se interessar por política, pois um povo que não se importa com a política faz pouco caso de sua própria sobrevivência como sociedade.


Por isso, e apesar do inferno com que todos teremos de lidar diariamente, já que os erros das inúmeras gerações que nos antecederam se arraigaram nas instituições e hábitos, o clima é de crescimento, mas não no sentido que se esperava, porém em um completamente inusitado, que é o da organização social em pequenos, mas influentes grupos de pessoas, que abraçam a causa de trabalhar incessantemente pelo bem do mundo, todas elas apaixonadas pelo planeta Terra e pelos humanos das futuras gerações, que elas sequer conhecem ou conhecerão, sendo motivadas apenas pela sensação de ser essa a sua missão.

Nossa espécie humana não voltará à época das cavernas, nem terá como refugiar-se construindo vidas simples em contato com a natureza, pois a tecnologia veio para ficar e para obrigar a consciência humana a despertar poderes até agora só presentes na imaginação.
Este mundo muito louco, porém grandioso, à altura da ambição, começa a ser realizado a partir deste ano, 2008, com a ajuda de seres humanos como você.

A numerologia cabalística faz as contas para 2008

“O próximo ano será dos destemidos, dos valentes, dos arrojados e dos vitoriosos”

Por Rosa T. Cártory, numeróloga cabalística

O ano 2008 é o de número Um (2+0+0+8= 10= 1). Por um lado é o ciclo da liderança, da criatividade e da originalidade, por outro, do autoritarismo, da possessividade e também do egocentrismo. Será um período excelente para começar novos empreendimentos, novos projetos, novas amizades, novos relacionamentos...

Para os brasileiros de modo geral, poderemos esperar um ano de grandes oportunidades profissionais, em que o emprego estará mais favorecido, por conta da criatividade e originalidade do nosso povo. Entretanto, não será um bom ano para aqueles que não gostam muito de trabalhar, ou seja, para “preguiçosos” e para coisas fraudulentas. No plano político grandes discussões deverão ainda ocorrer no Congresso Nacional por causa de corrupção e desmando de certos políticos.

No que diz respeito ao Brasil, haverá uma melhora substancial a partir do mês de maio (5) – mês da grande mudança (para melhor). Alguns setores, no entanto, como o de calçados e confecções em geral, devem ficar vigilantes com a invasão de artigos asiáticos em nosso país. A combinação do 2 (dois) – diplomacia – com o 8 (oito) – êxito material – nos dá a certeza de um ano de grandes oportunidades no campo diplomático político brasileiro, em que conseguiremos grandes vitórias no âmbito internacional, e o Brasil se consolidará como líder na América Latina.

O ano 1 (um) também será benéfico para a conscientização do nosso povo quanto ao desmatamento indiscriminado das nossas florestas. O brasileiro continuará a conviver com a violência, com a miséria, com os desmandos, com a corrupção, com o analfabetismo e com a intolerância de nossos mandatários, mas, certamente, daremos um salto no sentido de minimizar esses desmandos e essas aberrações, visto ser o número 1 (um) um número dos destemidos, dos valentes, dos arrojados e dos vitoriosos.
Resumindo, teremos um ano de 2008 muito melhor do que 2007, em termos de progresso, saúde e felicidade para toda a nossa população.

Com base nessas previsões a Numerologia Cabalística recomenda reforçar 10 atitudes neste ano:


1. Seja absolutamente honesta em qualquer situação.
2. Não tire conclusões apressadas; respeite os direitos e sentimentos alheios.
3. Fixe um objetivo concreto na vida.
4. Não alimente inveja ou ciúme de quem quer que seja.
5. Aprenda a delegar poderes a terceiros, a ser organizada e a supervisionar o que delegou.
6. Sorria – seja boa ouvinte, fale somente sobre coisas que interessam e não condene ninguém.
7. Nunca faça juízo de outrem sem primeiro, mentalmente, se colocar no lugar dele.
8. Seja corajosa – haja sempre com entusiasmo.
9. Não faça observações que não faria na presença da pessoa a que se refere.
10. Nunca imite ninguém. Seja autêntica e será feliz.

O tarô abre as cartas para 2008

“Será um ano de ganhos e vitórias, de poder incondicional, para quem souber lutar. Nada cairá do céu!”

Por Arhan Sergio Padovan, tarólogo

Na síntese para o ano 2008 os arcanos são O Mago e o Reis de Espada, os quais indicam uma época para você reforçar o seu livre-arbítrio, iniciar coisas novas, buscar novos caminhos e possibilidades em sua vida. Será um ano de ganhos e vitórias, de poder incondicional, para quem souber lutar. Nada cairá do céu! O conselho é descobrir e confiar em seus dons naturais, suas habilidades e capacitações, este será um período para explorar a sua criatividade e procurar realizar os seus desejos. Contudo, lembre-se que toda vontade é frágil, tem de ter, além de muito planejamento e estratégia, determinação e autoconfiança!

O campo da afetividade regido pelo arcanos Os Enamorados e Dois de Paus indica que 2008 será um ano rico e repleto de envolvimentos afetivos, alguns completamente impossíveis de se explicar racionalmente, pois o amor e a força de Eros irão invadir completamente os corações das mulheres de forma incondicional. Será um ano no qual até traições ou outras mazelas serão facilmente esquecidas e perdoadas pelo poder do amor e dos corações apaixonados. Alguns obstáculos irão surgir e, apesar de você estar no caminho certo para a sua realização amorosa, serão necessárias pequenas pausas para resolver problemas; não se disperse do seu ideal amoroso, tenha autoconfiança, busque a paz e a união entre os opostos. O ano de 2008 terá um grande mistério afetivo: você poderá escolher o que quiser, tudo dará certo!

Já a questão financeira dominada pelas cartas O Pendurado e Nove de Ouros, revela que esta área continuará sendo a mais problemática dos brasileiros. O ano 2008 exigirá sacrifício e renúncias, desistências, adiamentos e até mudanças de planos, como solução. Muito cuidado, principalmente, no primeiro trimestre, em que toda força material será excluída. Mesmo assim, a mulher brasileira já está acostumada a estas dificuldades de escassez e isso lhe dará certa habilidade para lidar com as situações, porém, cuidado para não ser uma sonhadora. A mulher precisará encarar seus limites pessoais no plano material, como caminho para encontrar a luz

Os arcanos A Força e Cinco de Ouros presidem a vida profissional no ano que entra e evocam para uma situação de controle e poder sobre os reveses no trabalho e na rotina, como também na saúde. A mulher terá muito vigor para o dia-a-dia e uma capacidade de atuação muito além dos limites. O valor das profissionais será mais reconhecido, pois, com suas qualidades de inteligência e magnetismo, terão total domínio sobre qualquer atividade. Aproveite ao máximo, porém continuar no poder absoluto poderá ser um grande erro! Saber abrir mão é inevitável: a perda de poder atual para continuar o controle de outras formas sutis será o segredo!

Na esfera das realizações, O Sacerdote com Oito de Copas asseguram que em 2008 elas virão por você agir dentro da legalidade e da moral instituída. Isso possibilitará, logo no segundo trimestre, condições para a organização da sua vida. Há chances de alcançar muito poder, mas cuidado para ele não gerar em você uma inflexibilidade e atitudes limitadas.
O conselho para o ano surge com as cartas O Sol e Dez de Paus, prevendo que 2008 será um grande ano para a expansão da consciência, e o grande e melhor conselho que o tarô nos traz é tomar posse da sua mais pura energia, usufruir a vida pela vida e ser feliz! O Sol garante satisfação plena em todos os níveis, para quem abrir o coração e passar a ter uma consciência crítica tudo se realizará com total prosperidade, ele revela uniões verdadeiras, seja afetiva ou profissional, simboliza a máxima do amor sincero, seguro e estável. Anuncia a vitória, o êxito e o triunfo.

Fonte: Revista UMA (ed. 87).

2 comentários:

Diogo disse...

Oi Aninha..

Ql seu e-mail?
A gente soh conversa por comentários... rsrs

Ah, se quiser anota o meu:
diogo.alcantara.ferreira@gmail.com

Bjs,
Diogo Alcantara.

Tanya disse...

Oi amada!

Meme pra ti no meu blog!! Te amoooooo!

beijos

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger