segunda-feira, 2 de julho de 2007

O VÍCIO DE FALAR MAL DOS OUTROS

LUIZ ALMEIDA MARINS FILHO, PH. D.



É incrível!
Ninguém mais agüenta gente que fala mal dos outros o tempo todo.
Gente que parece não ter outro assunto a não ser falar das outras pessoas.
Será que essa gente não percebe o que todos estão enxergando?

Falar mal do chefe, do patrão, do subordinado, do colega, do vizinho, do concorrente, do fornecedor, acaba sendo um vício que precisa ser combatido por aqueles que fizeram do falar mal seu verdadeiro "emprego" .

Você já foi no lugar do cafezinho? O que estão falando? Mal dos outros!

Você já viu o que conversam na hora do almoço? Mal dos outros! e quando chegam em casa essas pessoas falam o que? Mal dos outros!

Se você também adquiriu esse "vício", acabe com ele!

Uma pessoa que fala mal dos outros perde a própria credibilidade.

Outro dia recebi uma pessoa com excelente currículo que queria um emprego.
Eu estava disposto a empregá-lo.
Na entrevista ele começou a falar mal de todos os seus ex-patrões, de seus ex-colegas, das empresa em que trabalhou.
Imediatamente desisti de contratá-lo.

Contando esse caso para outras pessoas que estão empregando novos funcionários, todos disseram ter a mesma reação.

Ninguém tem coragem de contratar um falastrão, a verdade é essa.

Nesta semana, gostaria que você fizesse um exame de consciência e visse se você também não é tipo "viciado" em falar mal dos outros.

Lembre-se que pessoas de sucesso não precisam falar mal de ninguém para vencer.

Uma pessoa segura de si própria, quando não pode falar bem de alguém, não fala mal.

0 comentários:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Powered by Blogger